16 de abril de 2017

Dinâmica: O Peso do Pecado - Lição 04: O Discípulo e a Impureza: Discipulado – 2º. Ciclo; Novos convertidos


Clique nos links abaixo
Noticias.Com
Escola Bíblica Dominical
Últimos acontecimentos - Bíblicos
REFLITA NESTAS PALAVRAS
Devocional Diário
BÍBLIA ONLINE


Professoras e professores, observem estas orientações:


1 - Antes de abordar o tema da aula, é interessante que vocês mantenham uma conversa informal e rápida com os alunos:
- Cumprimentem os alunos.
- Perguntem como passaram a semana.
- Escutem atentamente o que eles falam.
- Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.
- Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.
2 - Este momento não é uma mera formalidade, mas uma necessidade. Ao escutá-los, vocês estão criando vínculo com os alunos, eles entendem que vocês também se importam com eles.
3 - Após a chamada, solicitem ao secretário da classe a relação dos alunos ausentes e procurem manter contato com eles durante a semana, através de telefone ou email.
Os alunos se sentirão queridos, cuidados, perceberão que vocês sentem falta deles. Dessa forma, vocês estarão estabelecendo vínculos afetivos com seus alunos.
4 – Escolham um momento da aula, para mencionar os nomes dos alunos aniversariantes, parabenizando-os, dando-lhes um abraço, oferecendo um versículo.
5 – Fazendo o que foi exposto acima, somando-se a um professor motivado, associando a uma boa preparação de aula, com participação dos alunos, vocês terão bons resultados! Experimentem!
6 – Agora, vocês iniciam o estudo do tema.
Professoras e professores, iniciem a aula, cumprimentando os alunos, perguntem como passaram a semana. Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.
Se houver alunos ausentes, é interessante que vocês mantenham contato com eles, através de telefone ou email.
- Falem do tema da aula: O Discípulo e a Impureza.
- Utilizem a dinâmica “O Peso do Pecado” e em seguida trabalhem os itens I e II da lição.
- Trabalhem o item III da lição. Procurem contextualizar o tema com a vida do aluno, apontando formas de como evitar a impureza.
- Para finalizar a aula, leiam o texto “A Esponja”.
Tenham uma excelente e produtiva aula!



    


AquiDiscipulado 2º. Ciclo: Novos convertidos


Dinâmica: O Peso do Pecado
Objetivo: Demonstrar os efeitos do pecado e a liberdade que Jesus nos dá através do perdão.
Material: 01 objeto pesado ou uma fruta grande (melancia ou jaca).
Procedimento:
- Falem sobre o pecado e suas consequências, do fardo que o homem carrega quando peca.
- Escolham um aluno e solicitem que fique em pé na frente da turma.

-

 Entreguem o objeto ou a fruta para este aluno e continuem falando sobre o pecado e suas consequências.
- Depois de um certo tempo, perguntem para o aluno: Está incomodado? Está pesado?
Certamente o aluno responderá que está incomodado com o peso que está segurando.
- Falem que há uma solução para isto. Então leiam João 1.29: “Eis o cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo”, enfatizando a palavra TIRA e nesse momento retirem o objeto ou a fruta das mãos do aluno e coloquem sobre uma mesa ou cadeira.
- Perguntem para o aluno: Como está se sentindo agora?
Falem que só Jesus pode nos perdoar, livrando-nos do fardo do pecado.
- Leiam ainda Mateus 11.28 a 30.
- Concluam, afirmando que Jesus nos concede o perdão, mas o pecador deve reconhecer que pecou, confessar suas culpas através da oração e abandonar o pecado.
Ideia original desconhecida.


Texto de Reflexão: A Esponja

Uma esponja gigantesca alcançou fama com seu alto poder de absorver água por onde passava. Ela era temida por todos os fazendeiros da região. As lavouras praticamente se transformavam em desertos.
A esponja ouviu falar de um grande fazendeiro que estava a cultivar uma linda lavoura de trigo. Imediatamente, chegou às suas terras. Ficou contemplando a nova técnica de irrigação, uma fonte cristalina jorrava sem parar sobre a lavoura. Dizia consigo, quando todos dormirem, eu começarei a beber a sua água, pois estarei debaixo de suas terras.

 

 À noite, quando todos dormiam, começou a sugar a água, mas não conseguiu sucesso com o seu antigo plano, pois a água pura da fonte queimava a velha esponja. Então convidou todos os seus parentes para acabar o trigal. Apesar do grande estrago no terreno, nada foi abalado, o trigo continuava a crescer; mesmo que seu trabalho contínuo permanecesse, a decepção era tremenda.
As esponjas se multiplicaram a tal ponto que não havia um pé trigo sem ter uma por perto. Mas o trigal ia crescendo, a fonte viva trabalhava noite e dia para impedir a morte do trigal.
O verão se aproximava e já estavam a aparecer os primeiros frutos. Não demorou muito para que os empregados começassem a se preparar para a ceifa. No dia marcado, todos os empregados começaram a colher o trigo com tanta rapidez que a esponja e seus parentes se atrapalhavam, tentando impedir a colheita.
Mas o trabalho foi tão rápido que trigo foi colhido integralmente. Quando o trigo estava a salvo no celeiro, o fazendeiro veio e ateou fogo ao terreno. A esponja não teve tempo para fugir, pois estava tentando encontrar forças para atacar outras terras. O fogo tomou conta de tudo, mas o trigo estava a salvo.
Reflitam sobre o texto, através destas perguntas:
A que você compararia a velha esponja?
O texto deixa claro que salvação do trigal foi em razão da fonte viva que irrigava continuamente a terra. O que tem irrigado a sua vida cada dia?
O adversário é um ladrão audacioso. Como você tem se livrado do seu ataque? Autoria desconhecida.

Fonte: atitudedeaprendiz.blogspot.com



MAIS >>> DINÂMICAS: ARQUIVO 1
DINÂMICAS: ARQUIVO 2
DINÂMICAS: ARQUIVO 3

Nenhum comentário:

Postar um comentário